0 A ''mocinha'' do Ante-herói



   Ela sorri frequentemente, é o sorriso mais encantador que já tenha visto. Ultimamente, o Sol não brilha mais em meus dias. Ela era as estrelas, ela iluminava meus dias sombrios, eu podia vê-la brilhar. 
   Não sou o herói da história, sou o vilão. Nenhum vilão fica com a ''mocinha''. Sou o Ante-herói de coração bom? Por que me importo tanto com ela?
   Ela é diferente, não se compara com as outras moças que tenha conhecido. Ela implica com minhas manias e ri de minhas piadas. Não finge ser outra pessoa, ela não se importa com os pensamentos dos outros. Ela é cheia de sentimentos, quando esta feliz sua felicidade ultrapassa as barreiras do coração de todos ao redor. Quando esta triste, faço de tudo para vê-la sorrir novamente. A curva de seus lábios me fascina! 
  ''Somos amigos''; é o que dizemos quando a pergunta sobre namorados surge do nada. Acredito que nossa ''amizade'' seja um pouco diferente, talvez colorida... Pelo menos, tudo tem cor quando estou com ela.
   Conheço sua letra ridícula, o som de seu riso, o timbre de sua voz, o toque de seu celular, seu gosto culinário. Acredito que ela me conheça, mas sei que não me compreende. Adoro implica-la, assusta-la... Adoro mais ainda vê-la sorrir. 
    Ela é a mocinha, a princesa. Sou apenas o vilão, o que sempre perde no final. Mas, ela me ensinou que nem todo vilão é mau. Ela descobriu que meu coração é doce e que minhas ideias são boas. Ela diz que a mocinha fica com quem quiser e que nem toda história é igual, devo acreditar nela? Ainda penso que sou o Ante-herói, mas ela me ensinou a fazer o certo. Sou o Ante-herói que adora ver a mocinha sorrir...


                                                                                                                      Lady Di

0 comentários:

Postar um comentário

:a   :b   :c   :d   :e   :f   :g   :h   :i   :j   :k   :l   :m   :n   :o   :p

Página Anterior Próxima Página Home
 

Copyright © 2012 Petit Poá! Elaborado por Marta Allegretti
Usando Scripts de Mundo Blogger